“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).

Aprender

10 comentários

Ter uma horta é uma constante aprendizagem:

dos ciclos da Natureza;

da fragilidade/dificuldade do equilíbrio que queremos atingir na horta (e na vida)…

e de nós próprios.

Cuidar da horta é cuidar de nós, porque zelamos pela qualidade do nosso alimento e porque entretemos as mãos,

mas soltamos o pensamento para grandes conversas com as sementes e com as flores.

Durante o Verão, os meus pensamentos cheiraram a manjericão e cravo-da-Índia.

 

O que  aprendi e vou colocar em prática na próxima Primavera?

-Mais canteiros de flores;

-Mais feijão-verde anão;

feijão verde anão

-Mais beringelas;

beringela

-Mais variedades de tomates;

tomate cereja

-Menos courgettes: são muito exigentes para um quintal pequeno;

courgette

-E, por fim, mais pezinhos na horta: aproveitar e parar nos vários bancos feitos no século em que havia Tempo.

pezinhos na horta

Anúncios

Autor: Frasco de Memórias

https://frascodememorias.wordpress.com

10 thoughts on “Aprender

  1. ideias que vão dar bons resultados. beijinhos. 🙂

  2. Olá Ana !
    O que é que posso fazer ?
    Acho-te imensa graça ,aos teus interesses ,planos e forma de ocupação do tempo !
    Desde pinturas de paredes,a hortas , doces ,etc 🙂
    É uma boa forma de “viver ” neste mundo !
    Um beijo,
    José

  3. “Ter uma horta é uma constante aprendizagem” – não podia concordar mais! O minha horta consiste num conjunto de vasos, mas todos os anos aprendo coisas novas. É tão bom!

  4. Esclarecimento :

    Muito importante – ” mas soltamos o pensamento para grandes conversas com as sementes e com as flores “.

    😉

    • José:

      É, provavelmente, o ponto mais importante de ter uma horta 😉
      A par da observação do milagre que acontece perante os nossos olhos e no qual nós participamos… um bocadinho.

      Só é pena não termos mais horas por dia para vivermos neste mundo à nossa maneira, não é?

      Um abraço,
      Ana

  5. É tão bom ter uma horta. As minhas ervas aromáticas estão de boa saúde, e a hortelã chocolate faz um sucesso cá em casa. Cheguei a comprar um tomateiro, mas as chuvas da semana passada não foram muito amigas dele. Pode ser que o pobre coitado recupere. É difícil plantar o feijão verde? Bjs

    • Agora já é difícil dar tomates: o tempo começa a arrefecer…
      O feijão verde precisa de espaço para crescer, embora o anão seja menos exigente.
      Provavelmente só na Primavera é que vai ser possível experimentares.

      Ansiamos pelo regresso do Botequim 😉

  6. Tem coisas que a gente demora a botar reparo mas, quando descobre, a vida ganha um novo rumo. Cultivar plantas é uma delas. Bjs

  7. Pingback: Construir |

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s