“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).


6 comentários

Montinho

Há fins-de-semana tão produtivos que quase nos esquecemos de que são fins-de-semana.

No meio de 1001 tarefas e afazeres, esquecemo-nos de que temos dois dias por semana para parar, contemplar (-nos) e inspirar calmamente.

Ultimamente temos procurado esses momentos.

Infelizmente, explorar a fauna alentejana continua a ser a excepção.

Assim como encontrar estes sinais de trânsito em Portugal.

sinal

E as respectivas artiodáctilas em 3D.

vacas alentejanas

(Esta palavra faz-me sempre pensar em vacas a escrever à máquina.)

E artiodáctilas lãzudas.

ovelhas no Montinho

E qual será o grupo dos animais com membranas interdigitais?

patos no Montinho

Os sons da Natureza são as melhores baterias para semanas stressantes.

Melhor do que isso, só mesmo se nos ligarmos à terra.

deitada no Montinho

Transformar este passeio num hábito semanal é o desafio para 2015.

Deixando o Montinho

Anúncios


5 comentários

Verduras

Phoebe Wahl cesto do quintal

O Inverno não tem sido amigo do meu quintal.

Só a rúcula cresce viçosa.

As couves estão minúsculas há semanas.

As alfaces morrem.

Os espinafres não resistem às brincadeiras dos gatos.

Durante muito tempo não quis intervir…

Até hoje.

Estratégia para as alfaces: anti-frio e anti-loucuras felinas.

Alface no garrafão

alfaces no garrafão

Estratégia para os espinafres.

espinafre prisioneiro

O meu quintal não está propriamente bucólico, mas espero ter um cesto cheio para apresentar em breve.

A ilustração da agricultora feliz é de Phoebe Wahl.


7 comentários

Imperfeições

Conheci o projecto 365 Grateful, através da Filósofa.

Hailey descobriu que a Felicidade é proporcional à nossa capacidade de olharmos para o dia que passa e agradecermos o que temos.

Identifiquei-me muito com a intervenção que fez no TED.

É um exercício a que me obrigo há algum tempo e que se intensificou desde que tenho o blog.

Hoje, senti-me grata por ter ido ao mercado com a miúda mais amorosa e companheira do mundo.

Pude vê-la escolher gerberas amarelas e trazê-las na mão até casa.

Tive a oportunidade de arranjar as gerberas, carinhosamente amassadas, com hortelã do vaso partido do quintal.

gerberas

Fui acompanhada pela gata mais humana que conheço que insistiu em ficar na fotografia.

gerbera e branquinha

Encontrei a Beatriz, depois de um momento estranhamente silencioso, a tentar dormir a sesta na cesta da Branquinha, com calças sujas do quintal.

Beatriz no cesto

Depois a Beatriz roubou-me a máquina.

foto da beatriz

Sem dúvida que são os dias imperfeitos e sem história que preenchem a nossa vida.


9 comentários

Pacificar

Há uma ligação entre as minhas insatisfações e a paz (ou guerra) que imponho ao meu cabelo.

Durante três décadas quis o corte de cabelo da Jojo e, apesar do meu cabelo ser ondulado, muni-me de químicos agressivos, ferros de alisar e escovas furiosas.

Um ano sem zaraClaro que nunca ficou assim…

1 ano sem zara corpo inteiroMais tarde pacifiquei-me.

Da última vez que fui ter com a Michelle, vi este poster.

E o meu cabelo ficou mesmo como o da Kirsten Dunst.

kristen dunst

O problema é que não dá jeito nenhum ter cabelo a ir constantemente para os olhos e eu, como gosto de ver bem o que se passa, tive a infeliz ideia de, umas semanas depois, cortar a franja já em Estremoz.

Resultado: durante 4 meses vou ficar uma mistura estranha de Kirsten Dunst com um cantor metálico dos anos 80.

 

 


8 comentários

Granolas

Desfile de Granolas:

Granola Fogo, a unânime: todos gostam dela – com aveia e centeio integrais, 5 sementes, amêndoas, arandos e sementes de goji.

Granola Fogo no frasco

Granola Sol, a preferida dos meus amigos (depois do entusiasmo inicial com a Fogo) –  com aveia e centeio integrais, 5 sementes, amêndoas, passas de figo do Algarve e pólen de flores.

Granola Sol no frasco

Granola Terra, a favorita dos mais novos (e minha, nos dias longos) – com aveia e centeio integrais,

5 sementes, amêndoas, nozes e cacau 100%.

Granola Terra no frasco

Já disponíveis na Loja.