“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).

Festival da Rainha 2015

6 comentários

II Feira Medieval de Estremoz

Festival da Rainha 2015

Gosto de Feiras Medievais.

Passar um fim-de-semana a tentar entrar no dia-a-dia de uma mulher medieval, ainda que seja com a leveza de um “faz-de-conta” faz-nos pensar:

1- encontrar a indumentária certa é logo o primeiro obstáculo:

não queria ser freira nem vestir uma máscara; queria ser a Ana que podia ter vivido há cinco séculos – do povo e delicada. A mãe de uma amiga querida teve uma formação em vestuário medieval e emprestou-me um vestido lindo: com os materiais, corte e bordados da altura.

vestido medieval

2- quanto ao cabelo, optei por ser uma rapariga solteira, com o cabelo solto e descoberto e uma grinalda de flores: discreta, como disse a minha amiga Ana, uma vez que já somos umas solteiras “entradotas”…

3- optar por uma postura feminina em S, achei melhor passar, a bem da minha coluna.

4- estar longe de carros, computadores, máquinas, música gravada e relógios foi fácil e libertador.

Festival da Rainha  Estremoz 2015

Músicos medievais Estremoz 2015

5- resistir aos 35ºC foi difícil… e pensar que na altura o banho diário não era comum e que a água não estava acessível, sobretudo nas casas do povo, foi aflitivo.

1468719_817108328358163_3376510503806545036_n[1]

6- observar a nossa “capa exterior” tão fina de seres civilizados fez-me pensar que sempre devem ter existido pessoas rudes e grosseiras e pessoas delicadas. Haverá assim tanta diferença? Se sempre achei que sim (e no fundo ainda acho…) a partir das 23:00h comecei a duvidar.

A maldade existe e sempre existiu no Mundo, assim como a bondade. Parece é que, hoje, os maus já não gostam tanto de sujar as mãos.

Festival da Rainha Estremoz

Feira Medieval de Estremoz 2015

Seja como for, muitos de nós (gosto de pensar que a maioria de nós) evoluíram enquanto seres humanos e cidadãos.

A nossa banca em preparativos.

Preparativos Feira Medieval de Estremoz

A nossa banca em observação.

As feiras têm a vantagem de nos proporcionarem felizes encontros e muitas conversas agradáveis.

Visitantes Feira Medieval Estremoz

Estive muito bem acompanhada pela melhor doceira conventual que conheço: a Ana (que agora é Quase Pecado) e que arrecadou dois Prémios na Feira Conventual de Portalegre:

O melhor doce conventual: Fartes!

A menção honrosa: rebuçados de ovo de Portalegre!

Mais um fim-de-semana irresistivelmente doce!

As fotografias 1, 3, 5,6 e 7 são da Câmara Municipal de Estremoz.

 

 

Anúncios

Autor: Frasco de Memórias

https://frascodememorias.wordpress.com

6 thoughts on “Festival da Rainha 2015

  1. Deve ter sido tão giro! Espero que tenham feito muito sucesso. 🙂 E adorei o teu vestido, Ana! Espero que um dia venham um bocadinho mais cá para cima, perto de Coimbra, para vos poder visitar! (Penela, não?) Beijinhos

  2. Deve de ter sido uma experiência muito interessante. Fiquei encantada com as fotos. 🙂

  3. Pingback: Gulosos |

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s