“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).

MAUS

8 comentários

– Tens de dar sempre a mão à tua Mãe. Há pessoas más que podem fazer-te mal.

– Não, os maus só existem nas histórias dos livros.

Uma amiga contou-me o diálogo que travou com a Beatriz acerca da maldade humana.

Durante quatro anos, quis acreditar que, se eu desejasse muito, talvez um dia o ódio e o horror se mantivessem nas bruxas e vilões dos livros infantis.

Neste fim-de-semana, vimos e sentimos a dimensão do negrume humano.

 

– Mas o que se passou, Mamã?

– Homens muito maus dispararam e mataram muitas pessoas, em Paris.

– Porquê?

– Porque a luz que ilumina os corações se apagou e, quando isso acontece, as pessoas só pensam em bater e matar.

– Porquê?

– Não sei; acho que ninguém sabe e, por isso, estamos todos muito tristes e chocados.

 

Espero que a treva que invadiu os corações dos homens não se propague.

Desejo que a serpente do ódio não asfixie o coração de mais e mais homens.

Quero que o medo e o desejo de vingança nunca apaguem o nosso discernimento e a luz do nosso coração.

 

 

Anúncios

Autor: Frasco de Memórias

https://frascodememorias.wordpress.com

8 thoughts on “MAUS

  1. Olá Ana,
    Tens toda a razão !
    Tudo isto é inacreditável e horrível … e esta postura do sr. Drian é inqualificável .
    Pobres pessoas.
    Impossível qualquer adulto/ criança poder compreender .
    Mundo cão mesmo !
    Boa semana !
    Beijo,
    José

    • José:

      Quando penso muito nisso, perco a esperança…
      O Sr. Drian tem as mãos com sangue… pelos vistos já há algum tempo, antes deste terrível fim-de-semana!

      Boa semana!
      Um beijo,
      Ana

  2. Desejo exatamente o mesmo. Boa semana.
    Um beijinho,
    Mia

  3. Uma triste realidade, que parece não terminar. Não sei a solução, mas acho que a paz não se conseguirá através de mais violência.

  4. Estou exactamente como tu, Joana!
    Beijinhos,
    Ana

  5. Não há forma de explicar a uma criança porque se matam gratuitamente pessoas. Infelizmente há formas de explicar às crianças a vingança.
    Neste teatro à escala mundial a que assistimos, todos valores como a bondade, o perdão, a liberdade não fazem parte da jogada. O dinheiro soa mais alto.
    Como é possível educar as nossas crianças no respeito mútuo quando estamos a formatá-las para serem agressivas e competitivas?
    Se calhar valeria a pena pensar nisso.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s