“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).

Viver poeticamente

2 comentários

Por razões profissionais, releio, ininterruptamente, Pessoa.

Leio, releio, páro em cada verso, analiso e reflito acerca de diferentes concepções de vida (definidas por cada heterónimo) e questiono-me.

luci-gutierrez-introvertido

 

Apesar da leitura sistemática fazer parte do meu trabalho, da “prosa da vida”, fico feliz quando esta coincide, literal e metaforicamente, com a “poesia da vida”.

Edgar Morin explica muito bem a diferença entre a prosa da vida e a poesia da vida e como elas nos proporcionam (ou não) Felicidade:

“O verdadeiro problema não é a felicidade – é a questão que faço a mim próprio, porque a felicidade é algo que depende de uma multiplicidade de condições. Eu diria que o que causa a felicidade é frágil.

Para mim, o problema da felicidade é subordinado àquilo que chamo de  ‘o problema da poesia da vida’.

Ou seja, a vida, a meu ver, é polarizada entre a prosa – as coisas que fazermos por obrigação e não nos interessam para sobreviver.

E  a poesia – o que nos faz florescer, o que nos faz amar, comunicar. E é isso que é importante. 

Então, eu digo que o verdadeiro problema  não é a felicidade. Porque a felicidade é algo que depende de uma multiplicidade de condições e eu diria mesmo que o que causa a felicidade é frágil, porque, por exemplo, no amor de uma pessoa, se essa pessoa morre ou vai embora, cai-se da felicidade à infelicidade.

[…] Em outras palavras, não se pode sonhar com uma felicidade contínua para a humanidade. É impossível, porque a felicidade, repito, depende de uma soma de condições. Então, por outro lado, o que se pode dizer? Pode-se tentar favorecer tudo o que permita a cada um viver poeticamente a sua vida e, se você vive poeticamente, você encontra momentos de felicidade, momentos de êxtase, momento de alegria e, na minha opinião, é isso”.

Na minha também!

Vídeo de Edgar Morin.

 

Texto aqui

Imagem de Luci Gutiérrez.

Anúncios

Autor: Frasco de Memórias

https://frascodememorias.wordpress.com

2 thoughts on “Viver poeticamente

  1. Eu sinto isso e nem sabia!!!! Esse texto me explicou a mim mesma!
    Bjs

  2. Tão verdadeiro e tão bonito. 🙂 Fico a pensar na poesia da vida… Beijinhos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s