“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).


15 comentários

Pintar

Os planos para as férias eram estes, mas de repente o verde escuro da parede da sala de visitas/meu escritório tornou-se insuportável.

Claustrofóbico.

E a alcatifa castanha deixou-me inquieta.

E os rodapés castanhos e as portadas amarelas não paravam de angustiar-me.

Testemunhos da decoração dos anos 70, demasiado sombria e sisuda, onde parecia impossível permanecer alegre.

Então, as férias, que eu queria calmas, foram muito movimentadas com todos os objectos da casa a procurarem o seu lugar durante semanas… (ou meses).

A verdade é que tenho muitas ideias, mas o meu problema de desorganização e desarrumação conseguem enlouquecer-me… e a quem me rodeia.

Contei com a ajuda preciosa destas duas pintoras… para a desorganização… e para manter o espírito positivo e o sorriso.

Pinturas 1 pintar de branco uma parede escura

E a parede verde contou com duas demãos de isolante e cinco de tinta branca Profitinta.

Pintur de branco uma parede escura

À terceira demão continuava a ver a sombra escura da parede e desanimei, mas a Dona Tomásia:

-Vai ficar bem, acredite!

Ficou!

A sala duplicou de tamanho e, à noite, as luzes da Praça invadem a casa.

Pinturas 3

A alcatifa escondia este chão magnífico que, depois de encerado, ficou assim.

chão antigo encerado

Todas as portas foram pintadas por mim com esmalte aquoso para madeiras e metais – branco acetinado.

Dica excelente da D. Tomásia.

Gastei (muito!) no esmalte aquoso mas poupei em lixas, embora tenha ganho um calo enorme no dedo da “pinceleta” (gíria de quem anda nestas lides).

Portada antiga branca

Faltam prateleiras, mesas, cadeiras, candeeiros e molduras,… mas começámos muito bem com esta Singer da Mãe da Avó Silvana!

Singer antiga


8 comentários

Pressione “Pause”

Regressámos à Casinha da minha Avó Rosa.

Praia Planeta Tangerina

Sem televisão.

Sem internet.

Sem horários.

Sem listas “a fazer”.

 

Com a família materna.

Com os amigos.

Com os livros.

Com o Mar.

Praia Mar

Com Tempo.

E com peixe do mercado.

douradas mercado

Todos os dias!

E assim vamos ficar, com mais ou menos viagem, durante umas semanas.

Boas férias!

 

Até breve!

 

Todo este mar é do livro Praia Mar, de Bernardo Carvalho.

 

 

 


8 comentários

Presente

Ter um blog é receber presentes diários.

Ou melhor, é celebrar o Presente.

Para além das visitas de quem gosta de me ler, dos comentários e troca de ideias, da descoberta de afinidades, às vezes há assim surpresas.

prenda do José Magalhães

Obrigada, José!

Finalmente permiti que a Beatriz pegasse nesta peça tão delicada.

Só por alguns minutos…