“Le souvenir est le parfum de l´âme” – (George Sand).


9 comentários

Festejar

Foi há dois meses o aniversário da Beatriz.

E foi o momento de celebrar.

Todos os dias as notícias contrariam esse espírito: temos de lamentar a crise, os cortes nos salários para pagar dívidas que não contraímos; ouvir pessoas que cada vez merecem menos o nosso respeito e suportar todas as injustiças evidentes de um sistema a que chamam democrático, …

Enfim, uma lista infindável, reveladora da tirania dos números em que vivemos…

Quase esquecemos o essencial: estar vivo e saudável é uma dádiva.

A Beatriz fez anos numa segunda-feira.

Não é dia para festas.

Mas fizemos uma grande festa.

Porque temos de celebrar a nossa saúde.

Todos os dias.

Porque temos de celebrar a companhia das pessoas que nos são queridas.

Todos os dias.

Porque temos de celebrar o facto de sermos amados.

Todos os dias.

Apesar das distracções, das agruras, da velocidade e do cansaço.

Estas imagens não são para exibir a minha felicidade.

São apenas para que eu nunca me esqueça dela.

Aniversário 2014Aniversário2

Nota: é obrigatório celebrar a vida, todos os dias!

Ficamos todos tão mais bonitos a sorrir!

Aniversário4

Aniversário3

Obrigada!